Varizes além da estética: cirurgião vascular do Porto Dias explica sobre os tratamentos

Varizes além da estética: cirurgião vascular do Porto Dias explica sobre os tratamentos
4 6 novembro 2018

Inchaço, sensação de peso, câimbras, queimação e fadiga nas pernas podem ser alguns dos sinais de varizes, doença que atinge cerca de 30% da população mundial, segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), afetando principalmente as mulheres.

Varizes são tão comuns que, se você não possui algum desses sintomas, com certeza deve conhecer alguém que tem ou que já teve.

Mas o que são varizes? Nada mais são que veias dilatadas e tortuosas que se desenvolvem abaixo da pele e podem ser de pequeno, médio ou de grande calibre, dependendo da fase em que se encontram.  As veias mais acometidas são as dos pés, pernas e coxas.

Apesar de serem bem mais comuns nas mulheres, as varizes também atingem uma parcela importante dos homens. Nelas, entre os principais fatores de risco, estão as pílulas anticoncepcionais e a gravidez; neles, pesa negativamente a vida sedentária, obesidade e longos períodos em pé.

Entretanto, não podemos esquecer que o fator genético também tem grande relevância na grande maioria dos pacientes. Outros fatores que podemos citar são: obesidade, atividades laborais que necessitem de longos períodos em pé ou sentado, traumas prévios nos membros inferiores, antecedentes de trombose, etc.

De acordo com o Dr. Felipe Ribeiro, cirurgião vascular do Hospital Porto Dias, atualmente, há disponível um arsenal bastante amplo e variável de técnicas e dispositivos para tratamento da doença varicosa, cabendo ao especialista identificar qual técnica se enquadra melhor para cada caso.

No tratamento das varizes dos membros inferiores, há três técnicas que vem sendo as mais empregadas nos últimos anos, são elas: Tratamento cirúrgico convencional; Termoablação com Laser e Termoablação com Radiofrequência.

A utilização do cateter de radiofrequência e a terapia a Laser são os métodos mais modernos que promovem o fechamento da safena sem precisar retirá-la efetivamente do membro inferior do paciente. “Assim, o paciente apresenta menos hematoma, menos dor no pós-operatório, uma recuperação mais rápida, além de não ser necessário corte para sua realização”, explica Dr. Felipe. Apesar das vantagens, não são todos os pacientes que podem utilizar o laser e a radiofrequência como tratamento, em algumas situações apenas a cirurgia convencional pode ser realizada.

Mesmo que as varizes não incomodem, é necessário estar ciente de que algumas complicações podem ocorrer, pois elas vão muito além de ser apenas uma questão estética. A maioria das pessoas tem problemas nas veias superficiais, aquelas que se dilatam quando algo vai mal com o sistema circulatório. Já as veias profundas, protegidas por feixes de músculos, quando afetadas, têm entre as suas causas problemas ortopédicos e tromboses. Os casos mais graves estão sujeitos a evoluir para processos inflamatórios como “flebites” (inflamações nas paredes das veias) e “tromboflebites” (flebite associada à trombose do vaso), que causam fortes dores locais.

O edema (inchaço) constante leva à diminuição do aporte de sangue à pele e pode provocar a destruição do tecido (com formação de úlceras varicosas), tornando a pele fina e ressecada.

É importante que se conheça as medidas preventivas, como praticar exercícios físicos, especialmente aqueles que previnem a sobrecarga do sistema vascular, evitar ficar longos períodos em pé, abandonar o cigarro e o sedentarismo, usar a meia elástica quando houver indicação médica, evitar esforços exagerados como carregar muito peso, e, por fim, recomenda-se que coloque as pernas elevadas por quinze minutos, antes do almoço e no final da tarde.

Os cuidados com os membros inferiores são de suma importância, visando-se proteger contra complicações futuras potencialmente graves.

Agende uma consulta com um Cirurgião Vascular e cuide da saúde das suas pernas!

Posted in Notícias
Comentários (4)
Cristiane katucha SA de Moura silvaDecember 31Reply
cirurgia para hemorroidas sem cortes, gostaria De informações e agendar a consulta com o medico especialista.
Hospital Porto Dias2019 January 7Reply
Boa tarde, Sra. Cristiane, pedimos que ligue para o nosso Call Center para todas as informações: (91) 3084-3000 / 3184-9999. Obrigado!
Jacy Santos2019 January 18Reply
Preciso saber se vcs colocam filtro da veia cava. Meu marido tem trombose. Gostaria de saber o valor
Hospital Porto Dias2019 January 22Reply
Boa tarde, Sra. Jacy, pedimos que ligue para o nosso Call Center para todas as informações: (91) 3084-3000 / 3184-9999. Obrigado!

Deixe um comentário